ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Quatro militares da GNR detidos por agressões a imigrantes no concelho de Odemira

Por a 8 de Maio, 2019

Quatro militares da GNR foram detidos esta quarta-feira pela Polícia Judiciária de Setúbal por crimes de ofensa à integridade física qualificada, sequestro agravado e violação de domicílio a imigrantes nepaleses, no concelho de Odemira. 

O caso, que remonta a outubro do ano passado, envolve militares colocados “à data dos factos” nos postos de Odemira e Milfontes, divulgou hoje a Policia Judiciária no site oficial.

Segundo o Correio da Manhã, a detenção dos militares surge após agressões para com dois imigrantes nepaleses que se encontravam a trabalhar na agricultura em Vila Nova de Milfontes, na sequência de um desentendimento entre uma das vítimas e o patrão e na presença de um militar.

Na altura, adianta o CM, o militar, amigo do patrão, terá agido em sua defesa e, mais tarde, juntamente com outros três militares, terão invadido o domicílio e agredido os emigrantes.

Na operação estiveram envolvidos o Departamento de Investigação Criminal de Setúbal da PJ, a Guarda Nacional Republicana, através do Comando Territorial de Beja em colaboração com o Comando Territorial de Setúbal.

Os detidos serão presentes a primeiro interrogatório judicial, para aplicação das medidas de coação processual tidas por adequadas.


Opinião do Leitor

Deixe um comentario


error: www.radiom24.pt