ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Sines: Fusion Fuel Green investe oito milhões de euros em projeto de hidrogénio

Por a 18 de Agosto, 2021

A Fusion Fuel Green vai avançar com um investimento de oito milhões de euros para produzir hidrogénio verde em Sines, segundo o ‘Jornal de Negócios’.

A empresa portuguesa avança depois de ter recebido a aprovação do POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos para a comparticipação no projeto no valor de 4,3 milhões de euros.

O projeto, designado Hevo-Sul, prevê a instalação de 178 unidades Hevo-solar, eletrolisadores associados a painéis solares, que, segundo a empresa, têm uma capacidade de produção anual de aproximadamente 418 toneladas de hidrogénio verde. O hidrogénio será utilizado para vários fins, explica a empresa ao ‘Negócios’, incluindo a injeção na rede de distribuição de gás natural, como matéria-prima para a produção verde de amónia, bem como para engarrafamento em cilindros pressurizados para uso industrial.

A construção deverá arrancar no final deste ano e a Fusion Fuel prevê que as operações comecem até final de 2022.

Segundo o ‘Negócios, a empresa tem outros dois projetos, em que irá apenas fornecer a tecnologia, que foram também  submetidos para aprovação ao POSEUR, esperando que uma decisão seja tomada “nas próximas semanas”.

“Este projeto tem um valor estratégico para a Fusion Fuel porque aumenta o nosso portefólio de projetos próprios e valida ainda mais a atratividade da nossa tecnologia para produzir hidrogénio verde a custos competitivos”, afirma João Wahnon, diretor de desenvolvimento de negócio e um dos fundadores da empresa.

A empresa tem já dois projetos em instalação, em Évora, que representam um investimento de 4,8 milhões de euros, um projeto igualmente em Sines, que deverá ascender a um investimento de 655 milhões de euros, embora vá começar por 31 milhões. Adicionalmente, está a construir uma unidade industrial de 35 milhões de euros em Benavente para produzir a tecnologia a utilizar, quer nos projetos que irá desenvolver em Portugal, quer para exportação, segundo avança o jornal.


error: www.radiom24.pt