ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Autarca de Sines diz que foi dado “passo muito importante” com lançamento do cabo submarino EllaLink

Por a 2 de Junho, 2021

O presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, disse que foi dado “um passo muito importante” com o lançamento do cabo ótico submarino ‘EllaLink’ para o desenvolvimento da região e do país.

“Sines teve aqui um papel de destaque com a inauguração formal do cabo submarino, que liga Sines a Fortaleza, no Brasil. É de facto um passo muito importante quer do ponto de vista do desenvolvimento da região, como do desenvolvimento do país”, disse, em declarações aos jornalistas à margem da cerimónia.

Este cabo ótico submarino, com seis mil quilómetros, pelo Oceano Atlântico, foi inaugurado, na terça-feira, pela presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE), numa cerimónia em Sines, o ponto de amarração do lado europeu, estando o outro lado ligado em Fortaleza, no Brasil.

O autarca mostrou-se convicto que, no futuro, Sines estará apto para trabalhar “não só com a EllaLink” como “com outros cabos submarinos”, potenciando “aquilo que já é uma realidade deste novo cluster que vamos ter em Sines”.

Isto é, além do projeto Sines 4.0, que foi apresentado recentemente,“a instalação de novos data centers”, e “outros projetos” que “como disse o CEO da EllaLink, Filipe Dumont, que espera que nos próximos 20 anos Sines possa ser uma cidade com uma dinâmica na área digital completamente diferente”.

“Este foi o primeiro passo e estamos a trabalhar com vários promotores e várias empresas, no sentido de, no futuro, vir a apresentar outros grandes investimentos nesta área que certamente mudarão a face desta cidade e desta região nos próximos anos”, concluiu.

O ‘EllaLink’, que constitui a primeira ligação direta de alta velocidade por cabo submarino entre a Europa e a América do Sul, é considerado pela presidência portuguesa do Conselho da UE “uma infraestrutura essencial para a interconexão digital e a transmissão de dados entre os dois continentes”.


error: www.radiom24.pt