ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Quercus liberta peixes em perigo de extinção na ribeira do Torgal em Odemira

Por a 8 de Abril, 2020

Cerca de mil peixes de duas espécies autóctones em perigo de extinção e que foram reproduzidos em cativeiro vão ser libertados pela Quercus, esta quarta-feira, na ribeira do Torgal, no concelho de Odemira.

Segundo a associação ambientalista Quercus, os peixes são das espécies boga-do-sudoeste e escalo-do-mira, foram reproduzidos no Posto Aquícola de Campelo, concelho de Figueiró dos Vinhos (Leiria), e vão ser libertados a partir das 12:00, no Pego da Pias, na ribeira do Torgal.

Apesar do estado de emergência em Portugal, devido à pandemia de covid-19, a Quercus decidiu manter a ação porque “é da maior urgência realizar a libertação dos peixes”, já que o Posto Aquícola de Campelo de onde provêm vai ser alvo de obras de requalificação.

Para “minimizar os riscos associados”, a Quercus decidiu reservar a presença na ação a técnicos e voluntários envolvidos no projeto, que “tomarão as medidas necessárias ao nível da segurança e higiene”.

A libertação dos peixes surge no âmbito do projeto “Conservação ex situ de organismos fluviais”, que visa reproduzir e manter populações de algumas das espécies de peixes de água doce mais ameaçadas em Portugal e é dinamizado pela Quercus, pelo Aquário Vasco da Gama, pelo MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente e tem como parceiro a Câmara de Figueiró dos Vinhos.
 


Opinião do Leitor

Deixe um comentario


error: www.radiom24.pt