ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Municípios do Litoral Alentejano convidam a comemorar 25 de Abril online

Por a 22 de Abril, 2020

As cerimónias do 25 de Abril no Litoral Alentejano vão decorrer em plataformas da internet, face à pandemia covid-19, e contam com um programa que engloba músicas de Abril, momentos institucionais e a participação do povo, anunciaram os municípios.

O passado histórico que liga Grândola e os grandolenses a José Afonso, expresso na canção ‘Grândola, Vila Morena’, símbolo do 25 de Abril e dos seus valores, coloca o município, nesta data, no centro das atenções.

Este ano, “em condições especiais” devido à pandemia de covid-19 , que priva a população “da liberdade de ir para a rua festejar”, o município de Grândola comemora os 46 anos da revolução dos cravos, com recurso às novas tecnologias, com várias atividades agendadas para serem disponibilizadas e acompanhadas pelos Grandolenses e pelo mundo, nas plataformas digitais da autarquia, como o Facebook, Instagram e Youtube.

O programa “virtual” inclui concertos, documentários, mensagens de artistas nacionais e internacionais, sugestões de música, de filmes e de livros sobre Abril. O grande destaque, vai para dia 24, às 22:00, com um dos momentos altos da programação, com o concerto exclusivo comemorativo dos 46 anos do 25 de Abril, com o letrista, compositor e interprete, Luis Galrito.

Às 00:20 serão lançados 25 murteiros acompanhados pela música Grândola Vila Morena.

Outro dos destaques da programação, intitulada “Dá mais força à Liberdade – Mensagens para Grândola”, reúne um conjunto de reconhecidos artistas nacionais e internacionais, que “em confinamento”, gravaram para Grândola “mensagens que vão ser transmitidas, às 21:00, dos dias 24 e 25 de abril, adianta a autarquia.

Participam na iniciativa, Mário Lúcio (Cabo Verde), The Last Internationale (EUA), Golosa la Orquestra (Chile), Sérgio Godinho, Carlão, Rui Reininho, Samuel, Afonso Dias, Albano Nunes, António Manuel Ribeiro, Quem te viu, quem te vê – Instituto Memória Musical Brasileira, Luis Galrito, António Duarte, Rui Pato, Grafonola Voadora (João Espada, Luís Galrito e Napoleão Mira), Viriato Teles e José Fanha.

No dia da Liberdade, as comemorações oficiais começam a ser transmitidas, às 10:40, com a arruada virtual da Banda da Sociedade Musical Fraternidade Operária Grandolense. Pelas 11:00, é transmitido em direto o Hastear da Bandeira nos Paços do Concelho, com as mensagens do presidente da Câmara Municipal de Grândola, António Figueira Mendes, e do presidente da Assembleia Municipal, Rafael Rodrigues.

Outro dos pontos altos destas comemorações, adianta o município, ocorre pelas 15:00, momento em que todos são convidados a cantar nas janelas e varandas a “Grândola, Vila Morena” e o Hino Nacional.

No domingo, 26 de Abril, às 15:00, é divulgado o documentário “Se fores preso, camarada”, com testemunhos de grandolenses perseguidos e presos durante o Estado Novo, uma produção do município de Grândola, 2018.

A Câmara de Grândola lançou ainda dois desafios online aos munícipes para “escreverem uma frase, um texto, um poema, uma ilustração ou uma colagem para expor no dia 25 de Abril nas suas janelas, varandas, muros ou portões, como forma de mostrar que, mesmo em casa, a Liberdade está a passar por aqui”.

O segundo desafio, “Cartas a Abril”, consiste em escrever uma pequena carta à liberdade e enviar para Biblioteca@cm-grandola.pt. A divulgação das Cartas de Abril está agendada para dia 26 abril.

Santiago do Cacém convida a comemorar o 25 de Abril on-line

“Comemore o 25 de Abril connosco on-line”, é a proposta do município de Santiago do Cacém que, aconselha a população a ficar em casa, enquanto assiste em direto nas redes sociais às várias propostas culturais preparadas para assinalar o dia da Liberdade.

O programa, segundo a autarquia, inclui música, entrevistas e depoimentos e as memórias das comemorações do 25 de Abril.

Dia 24 de abril, 10:30, a  proposta da autarquia recai numa visita virtual à exposição “…Abril de Clava, Abril de Cravo…”, disponível no site e no facebook do município.

A partir das 22:30, do dia 24 abril, haverá depoimentos, entrevistas e música, com a contribuição de David Carreira, através de um vídeo gravado online.

Dia 25 de abril, às 10:00, o município de Santiago do Cacém transmite em direto o Hastear da Bandeira, e às 15:00 partilha com os municípes a música ‘Grândola Vila Morena’ por Zeca Afonso.

“Cante da sua janela este hino da Revolução dos Cravos. Fique em casa!”, refere a autarquia.

Alcácer do Sal aposta na celebração virtual do 25 de Abril

Também o município de Alcácer do Sal vai festejar o Dia da Liberdade com a publicação de vários conteúdos virtuais preparados para os momentos-chave das celebrações.

“Numa atualidade marcada pela pandemia de covid-19, em que é tão importante mantermo-nos em segurança para preservarmos a nossa saúde e a dos outros, o município de Alcácer vai celebrar o 25 de Abril responsavelmente, através da sua página de Facebook”, refere Vítor Proença, presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal (CMAS).

“Mais do que nunca, importa celebrar Abril, a liberdade, a democracia e os seus valores, apenas o faremos de modo diferente, adequado ao contexto em que vivemos”, acrescenta.

As comemorações na página de Facebook da Câmara de Alcácer arrancam na noite de 24 de abril, pouco antes da meia-noite, com o tema “E Depois do Adeus” e a disponibilização de outras músicas alusivas à Revolução dos Cravos.

No dia 25 de abril, às 09:00, tem lugar “um momento de elevado poder simbólico”, o Hastear da Bandeira. Durante a tarde, a partir das 15:00, a autarquia adere à iniciativa da Associação 25 de Abril e convida a cantar à janela “Grândola, Vila Morena” (momento que no Facebook da CMAS vai ser acompanhado da publicação do vídeo deste emblemático tema), seguido do Hino Nacional.

“Ao longo do dia vão ser partilhadas no Facebook imagens de antigas comemorações desta data no concelho, será lido um conto aos mais pequenos alusivo ao tema, preparado e contado pela equipa da Biblioteca Municipal, e há ainda uma exposição virtual com desenhos do Dia da Liberdade criados por alunos do 1.º ciclo do ensino básico, resultantes de um desafio lançado pela autarquia”.

Odemira assinala de forma simbólica o 46º aniversário do 25 de Abril

A Pandemia de Covid-19 e o Estado de Emergência em vigor condicionam este ano a realização das habituais comemorações Abril em Odemira. Contudo, o presidente da Câmara Municipal, José Alberto Guerreiro, e a presidente da Assembleia Municipal de Odemira, Ana Aleixo, entendem ser dever dos órgãos que representam não prescindir de assinalar a data histórica e inesquecível em que Portugal conquistou a Liberdade e a Democracia.

Este ano não se celebra  Abril em Odemira com as festividades que anualmente marcam o ritmo do concelho e que são um marco na região, mas Odemira pretende homenagear as mulheres e os homens que fizeram a revolução de Abril, bem como evocar os seus valores, inspirando e preservando os princípios democráticos e a memória coletiva.

Neste sentido, o município, definiu um programa que pretende manter a essência das comemorações do 25 de abril, seguindo um modelo reduzido, sem festejos, sem intervenções públicas ou presença de público.

Será realizada a cerimónia simbólica do Hastear da Bandeira, a partir das 23:50 da noite de 24 de Abril, nos Paços do Concelho, sem a presença de público. O Hastear da Bandeira Nacional será devidamente acompanhado pelo Hino Nacional e a Bandeira do Município de Odemira será hasteada ao som de “Grândola Vila Morena”. A cerimónia será transmitida em direto através da página de Facebook do Município, @MunicipiodeOdemira, e será posteriormente publicado filme sobre a iniciativa.

Apesar de não ser realizada a habitual Sessão Solene, a Assembleia Municipal de Odemira assinala a comemoração do 46.º aniversário do 25 de Abril através da publicação de discursos dos presidentes da Assembleia Municipal e da Câmara Municipal e de cada força política representada na Assembleia Municipal. Todos os discursos serão publicados na página oficial do município na Internet em www.cm-odemira.pt na manhã do dia 25 de abril.


Opinião do Leitor

Deixe um comentario


error: www.radiom24.pt