ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Município de Santiago do Cacém convida Ministra da Agricultura para visita à região (com áudio)

Por a 23 de Julho, 2020

A Câmara Municipal de Santiago do Cacém enviou um convite à Ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, para visitar a região de Campilhas e Alto Sado e inteirar-se do cenário dramático que se vive devido à falta água para a rega dos 3800 ha de área beneficiada pelas duas albufeiras.

O Presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha, o Presidente da Associação de Regantes e Beneficiários de Campilhas e Alto Sado, Joaquim Matias Chainho, o Presidente da Associação de Orizicultores de Portugal, Carlos Parreira do Amaral, e o Presidente da AlenSado, Cooperativa Agrícola do Sado, Idálio Espada, manifestam em carta enviada à Governante a sua preocupação com as culturas de arroz, milho, tomate, prados e forragens, hortícolas e entre outras que não vão ser efetuadas, “com claro prejuízo para os agricultores e para a economia regional e nacional”, sublinha a missiva.

Em carta enviada à ministra, as entidades mostram-se preocupadas com esta realidade, e referem que “a dimensão do problema é grave, pois aqui incluem-se alguns sectores que asseguram a autossuficiência alimentar do País e que contrariam o défice estrutural da balança agroalimentar, por via das exportações. Em termos regionais são mais de sete milhões de euros que deixam de vir para a região.”

Declarações de Álvaro Beijinha, presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, avança que a Associação de Regantes e Beneficiários de Campilhas e Alto Sado está a passar por dificuldades.

Aguarda-se agora com expetativa a resposta do Ministério da Agricultura.

De sublinhar que apesar de um ano em que a precipitação foi relativamente abundante em quase todo o território nacional, esta região encontra-se numa situação de escassez de água, o que é um claro reflexo dos efeitos das alterações climáticas.


Opinião do Leitor

Deixe um comentario


error: www.radiom24.pt