ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

COVID-19: Vacinados utentes e profissionais da Misericórdia de Santiago do Cacém

Por a 23 de Janeiro, 2021

A primeira fase da vacinação contra a covid-19 ficou concluída esta sexta-feira nos lares da Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém, tendo sido administrada a primeira dose da vacina a um total de 369 pessoas, entre utentes e profissionais, revelou hoje fonte da instituição.

O processo arrancou na quarta-feira nas unidades de Cuidados Continuados Conde do Bracial e São João de Deus e culminou ontem com a vacinação dos residentes e profissionais das Estruturas Residenciais para Idosos (ERPIS) de Santa Maria e Residências do Pinhal.

“Todos os trabalhadores e utentes das valências e dos lares da Misericórdia foram vacinados, estando previsto a toma da segunda vacina daqui a 15 dias. Já se pode dizer que é um alívio porque uma parte do trabalho está cumprida”, disse à rádio M24 o provedor da Misericórdia de Santiago do Cacém, Jorge Nunes.

Apesar de considerar que se trata de “uma etapa vencida”, o provedor reconheceu que houve “alguns trabalhadores”, entre ajudantes de lar, da lavandaria e enfermeiros ”infetados”, desde o início da pandemia.

No entanto, frisou, “não tivemos utentes infetados”.

“Com esta primeira toma das vacinas conseguimos proteger os nossos utentes e agora vamos tentar aguentar até à segunda dose da vacina”, acrescentou o responsável, frisando que “50% do trabalho está feito”.

“É um orgulho muito grande para a Misericórdia, para os trabalhadores e para os seus dirigentes aquilo que conseguimos até agora, porque fomos atingidos pelo vírus em diversos setores da instituição. Graças ao trabalho realizado pelos trabalhadores e aos seus cuidados, os idosos têm sido sempre protegidos”, sublinhou.

 

 


error: www.radiom24.pt