ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

COVID-19: CDS-PP de Sines questiona Galp e Câmara sobre trabalhadores externos

Por a 28 de Abril, 2020

A concelhia de Sines do CDS-PP questionou hoje a Câmara Municipal de Sines e a Galp sobre uma “eventual vinda para Sines de trabalhadores externos, nomeadamente espanhóis para trabalhar na refinaria” de Sines da Petrogal, mostrando preocupação com a saúde pública, devido à pandemia de covid-19.
Em comunicado, a concelhia de Sines do CDS-PP, liderada por Paulo Freitas, diz estar preocupada com “a vinda desses cidadãos oriundos de um dos países com mais casos confirmados de covid-19 no mundo”.
“Tendo em conta as atuais restrições não nos parece que haja garantia segura sobre estes indivíduos. Afinal não se sabe a sua situação de saúde e não sabemos de ações ou até de reconhecimento da situação pela delegada de saúde”, sublinha a concelhia.
No comunicado, a concelhia diz ser “imprudente e de uma enorme irresponsabilidade” a presença de trabalhadores estrangeiros “numa altura em que a situação atual parece minimamente controlada na zona” e mostra-se igualmente preocupada com “a desvalorização da mão de obra local, numa altura em que há perda de postos de trabalho e consequente diminuiçao de rendimento”.
Esta situação “irá afetar as famílias do concelho [de Sines], porque afinal todos são responsáveis direta ou indiretamente pela parte social na região”, adverte a concelhia que recomenda que a situação “seja revertida” no sentido de “coordenar uma estratégia mais concertada na resolução desta situação.
“Recomendamos que seja revertida a situação, coordenar uma estratégia mais concertada na resolução desta situação, de modo a acabar com os alarmismos existentes e demonstrar uma atitude responsável e solidária para o momento atual”, concluiu.
A rádio M24 tentou ouvir o presidente da concelhia de Sines do CDS-PP sem sucesso.

Opinião do Leitor

Deixe um comentario


error: www.radiom24.pt