ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Encerra “sem propostas” concurso para Terminal Vasco da Gama do Porto de Sines

Por a 7 de Abril, 2021

O concurso público internacional para a construção e concessão do novo terminal de contentores do Porto de Sines, o Terminal Vasco da Gama, encerrou na terça-feira “sem propostas”, revelou a administração portuária.

De acordo com o presidente do conselho de administração do Porto de Sines, José Luís Cacho, o resultado do concurso internacional “não foi favorável” e terminou “sem qualquer proposta” de investimento.

Em comunicado, a Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS), refere que o “contexto pandémico que vivemos desde o início de 2020 tem vindo a ter repercussões adversas na economia global, e no shipping em particular, fomentando um clima de incerteza, principalmente ao nível da atividade dos principais armadores e operadores de terminais de contentores mundiais”.

“Este contexto adverso não foi favorável ao projeto do Terminal Vasco da Gama, que envolve o comprometimento de um considerável volume de investimento totalmente privado, sendo para tal necessário e desejável que decorra num contexto económico favorável e estável”, acrescenta.

A Autoridade Portuária propõe-se agora adaptar o procedimento do concurso ao contexto atual, flexibilizando alguns aspetos que o enquadrem no panorama do shipping internacional, e olhando para o futuro com a convicção que este é um projeto a concretizar logo que as tendências do mercado se nos afigurem mais favoráveis.

José Luís Cacho defendeu que é necessário tornar o concurso internacional “um pouco mais atrativo” para que, assim que estejam reunidas “as condições de mercado”, seja possível “abrir novamente” o processo e “o terminal seja um sucesso”.

“Estávamos um pouco à espera disto e temos vindo a olhar para isto, juntamente com o Governo, a procurar os aspetos que, eventualmente, possam ser melhorados”, insistiu.

O concurso público para o Terminal Vasco da Gama, num investimento privado de cerca de 642 milhões de euros, foi lançado em outubro de 2019. O prazo final para entrega de propostas estava inicialmente agendado para 13 de junho de 2020, mas a data foi prolongada até abril de 2021, devido ao contexto de instabilidade provocado pela pandemia de covid-19.


error: www.radiom24.pt