ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Companhia de teatro A Comuna marca o arranque na quarta-feira do Litoral EmCena

Por a 21 de Maio, 2021

O espetáculo “Tudo É Relativo” da companhia de teatro “A Comuna” marca o arranque, na quarta-feira, no Centro de Artes de Sines, do projeto Litoral EmCena que propõe mais de 100 espetáculos ao longo de dois anos.

 

Promovido pela associação AJAGATO, em parceria com as câmaras de Santiago do Cacém e Sines, o Litoral EmCena aposta na “apresentação mensal de espetáculos de teatro de companhias profissionais” nas cidades de Sines, Santiago do Cacém e Vila Nova de Santo André e nas freguesias rurais dos dois municípios do litoral alentejano.

A iniciativa “pretende dinamizar regularmente teatro ao longo de dois anos, com uma frequência de dois espetáculos por mês, que circulam nas três cidades, principais freguesias e interior dos dois concelhos”, estando previstos “cerca de 50 espetáculos por 13 companhias” até ao final deste ano, disse à agência Lusa o diretor artístico da AJAGATO, Mário Primo.

A programação do projeto, que tem um cariz intermunicipal e “está dependente” da evolução da pandemia de covid-19 em Portugal e no estrangeiro “devido à participação de companhias de teatro internacionais”, está pensada para um público habituado a “uma oferta de qualidade”.

“São fatores que não podemos controlar mas que também não nos devem inibir de fazer as coisas. A cultura em geral e o teatro, em particular, precisam de voltar a ter uma oferta de qualidade e regular para estas populações que há muito se habituaram a ver bom teatro”, realçou.

O projeto e o programa deste ano é apresentado oficialmente esta sexta-feira, ao final do dia, no Auditório Municipal António Chainho (AMAC), em Santiago do Cacém, numa iniciativa que conta também com a inauguração de uma exposição de fotografia e o espetáculo “Os Malteses” pelo GATO SA.

Segundo a organização, está prevista a estreia em Portugal de três companhias estrangeiras com espetáculos de teatro físico e visual: COLLECTIF 2222 (França), Bodecker & Neander Cª (Alemanha) e Giraffe Royal Theatre (Estónia).

“Tudo é relativo”, pela Comuna – Teatro de Pesquisa, é o espetáculo que abre a programação, na próxima quarta-feira, no Centro de Artes de Sines, passando nos dois dias seguintes pelo auditório da Escola Secundária Padre António Macedo, em Vila Nova de Santo André, e pelo AMAC, em Santiago do Cacém.

A programação para o mês de junho, vai contar com a participação da companhia Fontenova, com a peça de teatro “A Paz Perpétua” e A Barraca, que estreia o espetáculo “Um Ivanov ou Ensaio sobre a mentira”.

Em julho, o grupo Teatro Só, com a peça “Sorriso” e, em agosto, a companhia ESTE, Estação Teatral, com o espetáculo “Vagantes”, o Teatro do Mar, com o espetáculo “MUTABILIA”, levam o teatro “ao ar livre” às pequenas localidades dos concelhos de Santiago do Cacém e de Sines.

No mês de setembro, os convidados do Litoral EmCena, são o GATO SA, grupo local de teatro, com a peça “VAI VEM” e Bodecker & Neander Cª (Alemanha), com o espetáculo “Snowed in!”.

O Varazim Teatro, com a peça “DONODONADA” e os franceses COLLECTIF 2222, com a peça “Pourquoi Les Vieux, Qui N’ont Rien À Faire, Traversent-Ils Au Feu Rouge?”, compõem o programa do mês de outubro.

Em novembro, é a vez dos Artistas Unidos apresentarem a peça “A coragem da Minha Mãe” e o ator Pedro Diogo estrear os palcos da costa alentejana com o espetáculo “Primeiro Amor”. A companhia Giraffe Royal Theatre (Estónia), com o espetáculo “Karnavall”, em dezembro, fecha a edição deste ano do Litoral EmCena.

Em paralelo vão decorrer workshops e três exposições itinerantes, que vão circular entre Vila Nova de Santo André, Santiago do Cacém e Sines.


error: www.radiom24.pt