ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Bloco de Esquerda interpela Governo para reparação urgente de vias em Odemira

Por a 19 de Abril, 2019

O Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda interpelo a Assembleia da Republica para que interceda junto do Governo na reparação urgente da EN/ER 123, ER 266 e do Viaduto de Luzianes-Gare, no concelho de Odemira.

Num requerimento enviado à Assembleia da República, os bloquistas referem que se trata de “ligações fundamentais a Odemira” e “às freguesias vizinhas do interior do concelho, à região algarvia, assim como aos distritos de Beja e Évora”.

Estas vias também se apresentam como as únicas ligações existentes entre as estações ferroviárias da Funcheira e de Santa Clara – Sabóia, uma necessidade ainda mais premente pelo facto de os comboios apenas efetuarem paragens técnicas na estação ferroviária de Luzianes”, adianta o Grupo Parlamentar.

Considerando o viaduto de Luzianes-Gare, “uma importante obra emblemática de engenharia moderna”, os bloquistas lamentam o “pavimento muito irregular e degradado, que coloca em causa a segurança de pessoas e veículos”. Situação que , dizem , “acaba por se refletir negativamente a nível social e económico, contribuindo ainda mais para a interioridade e o abandono das freguesias no interior do concelho de Odemira.

Pedro Gonçalves, coordenador do Bloco de Esquerda de Odemira, mostra-se preocupado com o estado de degradação do viaduto de Luzianes-Gare.

A crescente degradação em que se encontram a EN/ER 123, o Viaduto de Luzianes-Gare e a ER 166 tem motivado descontentamento por parte das populações, autarcas e de outras entidades, tendo, em 2018, sido “aprovada uma moção por unanimidade na Assembleia de Freguesia de Luzianes-Gare, que foi enviada ao Governo, à Infraestruturas de Portugal e a outras entidades oficiais”, recorda o grupo parlamentar, no mesmo requerimento.

O dirigente fala em estradas muito degradadas, devido às condições climatéricas e ao tráfego rodoviário, que são fundamentais para a circulação no interior do concelho.

No requerimento enviado na última semana à Assembleia da Republica, o Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda recorda que as vias em causa “são muito utilizadas para o transporte de produtos oriundos do interior do concelho de Odemira”, assim como o “transporte dos alunos que frequentam a Escola Básica n.º 1 e as Escolas Secundárias da localidade”.

Além de ser prejudicial para o turismo no interior do concelho, os bloquistas falam ainda das “deslocações das populações aos diversos serviços de saúde no concelho e na região, para os diferentes locais de trabalho”.


Opinião do Leitor

Deixe um comentario


error: www.radiom24.pt