ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Autarca de Grândola defende consolidação de projetos de combate à violência doméstica

Por a 1 de Março, 2019

O presidente da Câmara Municipal de Grândola defendeu esta semana que é fundamental garantir a manutenção e consolidação” dos projetos de ação social de combate à violência doméstica.

O autarca falava durante o protocolo para a territorialização da rede nacional de apoio às vitimas de violência doméstica que passou a incluir os concelhos de Alcácer do Sal, Grândola, Santiago do Cacém e Sines.

A cerimónia de assinatura do protocolo, subscrito por 22 entidades, realizou-se na última quarta-feira e foi presidida pela secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro.

Revelando que no ano de 2018 foram “referenciados 17 novos casos de violência doméstica” no concelho de Grândola, António Figueira Mendes reafirmou o seu “total empenho em reforçar o seu papel na cooperação com outras entidades para a manutenção e consolidação no território de melhores soluções articuladas em rede”.

Esta lógica de proximidade visa a erradicação total e definitiva da violência contra as mulheres e da violência doméstica”, sublinhou o autarca.

O acordo tem como objetivo melhorar a resposta de prevenção, proteção e combate à violência contra as mulheres e à violência doméstica no território dos 4 concelhos do Litoral alentejano.


Opinião do Leitor

Deixe um comentario


error: www.radiom24.pt