ESTÁ A OUVIR

Titulo

Artista

Background

Águas de Santo André e Quercus juntam-se em ações de sensibilização ambiental

Por a 13 de Janeiro, 2021

A empresa Águas de Santo André (AdSA) e a associação ambientalista Quercus assinaram ontem um protocolo de cooperação com o objetivo da promoção da sensibilização ambiental junto da comunidade dos concelhos de Santiago do Cacém e Sines.

O protocolo prevê a realização de várias atividades e ações, ao longo do ano, com destaque para iniciativas de educação ambiental, explicou o presidente do conselho de administração da AdSA, Luís Faísca.

“Entendemos que fará todo o sentido termos protocolos e alguma visão de médio e longo prazo que nos permita desenvolver melhor a nossa atividade como a atividade da Quercus. Temos aqui vantagens de ambos os lados que queremos desenvolver do materializar em muitas ações”, explicou.

Em declarações aos jornalistas, durante uma visita ao Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Santo André (CRASSA) da Quercus, Luís Faísca, reiterou a importância “da educação ambiental” nesta missão.

“Já desenvolvemos há muitos anos, ao nível do ciclo da água, do agora iremos complementar com outras valências que internamente não temos e assim conseguir conjugar essas duas matérias para, junto dos agrupamentos escolares, fazermos a nossa campanha habitual de educação ambiental alargando a oferta à componente da biodiversidade”, acrescentou.

Para a presidente da direção nacional da Quercus, Paula Nunes da Silva, este protocolo surge numa altura é que é importante “trabalhar em sinergias” e “em pról do futuro”.

“O trabalho que a Quercus faz de sensibilização do educação ambiental já dura há 35 anos, desde sempre tivemos uma ligação histórica com o grupo Águas de Portugal e agora, com o CRASSA, queremos potenciar e aumentar o trabalho que temos vindo a fazer com as comunidades” locais, frisou.

No âmbito do protocolo, estão agendadas ações junto da comunidade, entre os meses de março e outubro, como a plantação de árvores na Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Ribeira de Moinhos (Sines), e na Estação Elevatória de Santo André (Santiago do Cacém), por ocasião do Dia Mundial da Árvore.

Em maio, está prevista uma ação com escolas para libertação de animais no seu meio ambiente, recuperados no Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Santo André da Quercus, enquanto em junho, no âmbito do Dia Mundial do Ambiente, realiza-se uma ação de limpeza de praias nos municípios de Santiago de Cacém e Sines.

No mês de julho, realiza-se uma ação com a participação de filhos e netos dos trabalhadores da AdSA para libertação dos animais no seu meio ambiente, na ETA de Morgavel, no município de Sines, e, por último, em outubro, no âmbito do Dia Nacional da Água, iniciativas de sensibilização ambiental em todas as escolas 1.º e 2.º ciclo dos municípios de Santiago do Cacém e Sines.


error: www.radiom24.pt